Home / Politica / Breve roteiro para iniciar a prática de atividade física

Breve roteiro para iniciar a prática de atividade física

 

 

 

 

Vale caminhar, dançar, passear de bicicleta, subir e descer escadas, nadar, fazer alongamento, o importante é começar

Para começar, é preciso lembrar que não se deve associar atividade física a esforço exagerado. Para manter a saúde, prevenir doenças e deixar o corpo mais forte e vigoroso, o caminho pode ser tão simples que até surpreende.

Andar a pé, passear de bicicleta, subir e descer uma escada em vez de usar o elevador a todo momento, nadar, fazer alongamento e relaxamento em casa, dançar: tudo isso é movimento. Quando praticadas regularmente, essas atividades têm o poder de criar uma rotina saudável e benéfica para o corpo e a mente.

Mas, mesmo no caso de exercícios moderados, no início é preciso tomar alguns cuidados importantes.

Alongamento

Nunca deixe de se alongar antes e depois da atividade, para evitar problemas nos músculos, nas articulações e nos tendões.

Hidratação e alimentação

Beba pelo menos um copo de água antes de começar e a mesma quantidade a cada meia hora de atividade. E não se exercite em jejum, para não correr o risco de sentir tontura, ter suor frio e até desmaiar. A falta de alimentação também pode provocar a queima de massa muscular em vez de gordura. E não se esqueça de manter uma alimentação balanceada, pois suas necessidades de nutrição podem mudar com os exercícios.

A roupa ideal

Use roupas leves e confortáveis, de acordo com o clima e a temperatura. Bermuda e camiseta nos dias quentes, moletom quando estiver frio, boné, capacete para andar de bicicleta e tênis adequados à prática geralmente resolvem o problema, sem necessidade de vestimentas específicas.

Orientação especializada

Se você pretende praticar uma atividade moderada ou intensa, é preciso fazer uma avaliação médica e buscar a orientação de um profissional de educação física, a fim de comprovar se você está em boas condições físicas e se o que quer fazer é recomendado. Esforço excessivo pode causar problemas musculares e nas articulações, dores na coluna, nas pernas e nos ombros e sobrecarga cardiovascular.

Necessidades específicas

Escolha um tipo de atividade que atenda às suas necessidades físicas e não agrave algum problema muscular ou de postura que você tenha.

O gosto faz diferença

Se você gosta de ficar ao ar livre, escolha uma atividade que permita isso, em vez de ir a uma academia. Se gosta de nadar, tente encontrar uma piscina, em vez de insistir em um exercício que não lhe agrada. Quando a atividade física é prazerosa, tudo fica mais fácil.

Socialização

Se você precisa de outras pessoas ao lado para se motivar, tente fazer exercícios em grupo. Convide os amigos ou faça uma pesquisa para descobrir como encontrar companhia em parques, clubes ou em uma praça perto de sua casa, e faça contato.

Atividade física e exercício

De maneira geral, atividades físicas e exercícios físicos proporcionam benefícios semelhantes e fazem bem para o corpo e a mente. Mas não são exatamente a mesma coisa. Atividade é qualquer movimento corporal que resulte em gasto energético acima do nível de repouso. Exercícios físicos já envolvem uma sequência planejada de movimentos, com orientação de um profissional, treinamento regular e objetivo definido.

Sem pressa

Qualquer que seja a atividade de sua escolha, comece devagar, sempre respeitando seus limites e com acompanhamento de um profissional, principalmente se está há muito tempo sem se movimentar. Aos poucos, seu organismo dará sinais de que você pode seguir em frente com atividades físicas mais intensas.

Veja Também

Atleta Joel Kock conquista vice-campeonato brasileiro no Tiro Prático

  O atleta Joel Carlos da Silva Kock morador da cidade de Pedro Canário, no ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *