Home / Policial / Homem suspeito de matar e concretar corpo de mulher é preso em Ibirapuã, extremo-sul da Bahia

Homem suspeito de matar e concretar corpo de mulher é preso em Ibirapuã, extremo-sul da Bahia

Um pedreiro suspeito de matar e ocultar o corpo da mulher, em Praia Grande, no município de Fundão, foi preso na cidade de Ibirapuã, no Extremo-Sul da Bahia.  De acordo com a polícia, o corpo da vítima foi enterrado em uma cova na chácara onde o homem trabalhava. Ele concretou o local para dificultar a localização do corpo da mulher, e chegou a registrar o desaparecimento dela na delegacia.

Fabiano de Carvalho Vieira, de 42 anos, foi apresentado na Delegacia Especializada de Homicídio Contra a Mulher na quinta-feira (21) e é suspeito de matar a esposa Graciele Santos Vieira, de 33 anos, em abril deste ano.

Graciele desapareceu no dia 14 de abril. Desde então, familiares da vítima registraram boletim de ocorrência e a principal suspeita era de que o então marido a tivesse matado.

Fabiano confessou à polícia que depois de matar a esposa, enrolou o corpo em um tapete, levou de carro para uma chácara onde estava trabalhando e cavou um buraco. Em seguida , ele concretou o espaço, jogou o corpo dentro, e pôs mais uma camada de cimento, para depois fechar. Para tentar desviar a atenção do crime, dias depois ele registrou um boletim de ocorrência sobre o desaparecimento de Graciele.

 

 

Graciele desapareceu em abril de 2017

 

 

Segundo o delegado, o suspeito não tinha histórico na polícia, mas, o relacionamento com a esposa não era considerado Pacífico. “Recentemente tivemos conhecimento da localização dele no município de Ibirapuã, na Bahia e deflagramos a operação para cumprir o mandado de prisão”, informou o delegado Janderson Lube.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Departamento Médico Legal (DML). O suspeito é investigado por homicídio qualificado, por feminicídio e ocultação de cadáver. Ele foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Viana.

 

 

 

 

 

 

 

Da Redação

Fonte/folhavitória

Veja Também

Coruja está preso no CDP de Colatina

Coruja de volta para Gaiola. Edwalter Luiz Fagundes, o Coruja acusado de matar um casal ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *