Agrotóxico ilegal é apreendido em Pedro Canário

Agrotóxico ilegal é apreendido em Pedro Canário - Fiscalização

 

 

 

 

 

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) identificou o comércio irregular de aproximadamente 2 mil litros de agrotóxicos em Pedro Canário. A ação ocorreu na última semana, após denúncia de que um caminhão estaria transferindo os produtos para outros veículos, que fariam a comercialização dentro do Estado.

De acordo com informações da nota fiscal, os produtos eram provenientes de uma empresa de São Paulo, na capital, e tinham como destino final uma pessoa física localizada em Nova Viçosa, na Bahia. Entretanto, a carga estava sendo distribuída para outros três veículos menores, às margens da BR-101, em Pedro Canário, norte do Espírito Santo.

A empresa vendedora não tem cadastro junto ao Idaf, que é obrigatório para a comercialização de agrotóxicos no Estado. Os responsáveis pela compra e pela venda foram atuados e a carga interditada.

O produto apreendido na ocasião tem como ingrediente ativo o Paraquate, cuja comercialização apresenta restrições, de acordo com orientação do Ministério da Saúde, por meio da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), por associar o produto ao desenvolvimento da doença de Parkinson.

A comercialização por lojas agropecuárias para embalagens com volume inferior a cinco litros é proibida desde março de 2018. Acima dessa quantidade, o prazo é até setembro de 2020. Já a utilização do produto nas lavouras está restrita às aplicações realizadas por trator de cabine fechada. Para os demais tipos de aplicação (costal, manual, aérea ou por trator de cabine aberta), não há mais autorização.

Veja Também

1º DE MAIO CONFIRMA SUCESSO DE PÚBLICO EM PEDRO CANÁRIO

Pedro Canário (ES) – A Festa do Trabalhador confirmou o sucesso de público e levou ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *